WordPress database error: [You have an error in your SQL syntax; check the manual that corresponds to your MySQL server version for the right syntax to use near '' at line 1]
SELECT count(*) FROM pfs_post_like_rate WHERE post_id =

Fabiana Scaranzi

1204 MATÉRIAS 102 comentários

2 917

Especialista fala sobre a questão que atinge a vida de milhares de brasileiras: falta de desejo sexual! Conheças as principais causas e o que fazer!


desejo sexual

Hoje não, estou com dor de cabeça! Parece clichê, né?! Mas essa desculpa traz consigo um problema que atrapalha e está frequente na vida de muitas mulheres: a perda do desejo sexual! A falta de libido pode acontecer com qualquer mulher e os motivos são muitos: correia do dia-a-dia, problemas de autoestima, emocionais, qualidade de vida do casal ou até razões hormonais.

Dra. Flávia Fairbanks, ginecologista e obstetra da Clínica FemCare e do Hospital das Clínicas da USP fala mais sobre o assunto e tira as principais dúvidas de quem também sobre de falta de desejo sexual. Espia só!

Maternidade x Perda da Libido
A maternidade traz uma série de alegrias ao lado de algumas preocupações, com a criança, com o casamento, à volta a rotina do trabalho e outros conflitos, o que gera em muitas mulheres a perda do apetite sexual. “Muitas pacientes chegam a clínica e se queixam de ter perdido o desejo sexual após a maternidade e me questionam se estariam com algum problema físico, mas na maioria dos casos o que acontece pode ser apenas resultado da rotina cansativa do dia a dia”, esclarece a especialista.

Relações Sexuais x Lubrificação
Segundo pesquisa feita pelo Ibope 88% das brasileiras tem algum grau de desconhecimento sobre o ressecamento vaginal: 20% não sabiam o que é e 68% conheciam pouco. “Esse é um problema que atinge muitas mulheres e por diversas vezes passa despercebido, o ressecamento vaginal pode ser ocasionado por diversos motivos, desde falta de excitação suficiente, até menopausa, uso de medicamentos e anticoncepcionais, doenças ginecológicas, ansiedade e outros fatores “, explica Dra. Flávia Fairbanks.

Menopausa x Falta de Libido
A menopausa atinge a vida sexual de muitas mulheres. Durante esse período, hormônios como o estrogênio e a progesterona deixam de ser produzidos e essa ausência pode gerar sintomas, como a falta de lubrificação. Segundo a especialista, a falta de desejo sexual na menopausa afeta entre 20% e 40% das pacientes que se queixam ainda de irritação, alterações de humor e outros sintomas. Mas, calma! É possível reverter a falta de desejo sexual e retomar o prazer sexual da mulher nesta fase. Especialistas indicam desde masturbação, até terapias hormonais e bons minutos dedicados às preliminares na hora do sexo. Que tal?

Endometriose x falta de libido
Estudo realizado por Dra. Flávia Fairbanks, que culminou em sua tese de doutorado pela Faculdade de Medicina da USP, revela que pacientes com endometriose têm mais que o dobro de disfunções sexuais em relação à população sem a doença. Na avaliação geral, 43,3% das pacientes com endometriose apresentaram disfunções sexuais, enquanto que na população sem a doença as disfunções ocorreram em 17,6%. “Entende-se por disfunções sexuais – desejo sexual, excitação sexual, dor na relação sexual e orgasmo/satisfação sexual o que pode ser caracterizado também por falta de libido. Os principais sintomas da endometriose são representados por dor e infertilidade, relacionam-se diretamente com prejuízos na atividade sexual”, detalha a especialista.

Viu só como a falta de libido sexual afeta mais mulheres do que se imagina? Por isso é tão importante procurar ajuda de um profissional de saúde para orientação. Ele saberá identificar os motivos dessa diminuição no seu desejo sexual e encontrará o melhor tratamento para o seu caso. Lembre-se: além de ser uma delícia, sexo faz, sim, muito bem à saúde e é parte importante da sua relação.

Bjs,
Fabi Scaranzi

0 1347

É possível, sim, ter o cabelo igual de Gisele Bündchen! O cabeleireiro da top model revelou a tonalidade ideal para criar esse efeito de loiro natural e iluminado. Copie já!


gisele

Entra ano, sai ano e o cabelo da nossa top model Gisele Bündchen ainda encabeça a lista dos loiros mais pedidos nos salões de beleza. E não é pra menos, né?! Com mechas que mesclam um tom de dourado e outras mais fininhas em um loiro quase branco, o cabelo de Gisele ganha uma aparência quente, iluminada, natural e a cara do verão. Com ondas abertas e bem trabalhadas, então, o penteado fica lindo e perfeito para ser usado a qualquer hora e ocasião, mesmo passando a ilusão de que ela acabou de sair da praia. Demais, né?!

Se você faz parte da grande maioria que sonha em saber como Gisele Bündchen chega nesse tom de loiro incrível, boas notícias: encontrei a resposta! No Instagram, o hairstylist Harry Josh, responsável por cuidar das madeixas da top, entregou os seus truques.

E não é que processo para chegar à tonalidade do cabelo de Gisele Bündchen é bem simples? Ele só refaz as mechas duas ou três vezes ao ano. Quem diria, né? Em sua publicação no Instagram Harry Josh explica que, para conseguir esse tom, ele usa um descolorante volume 20, aplicado nas mechas finas. Como os fios de Gisele já são claros, eles chegam naturalmente ao tom desejado sem precisar de tintura para finalizar.

Se você for morena, mas sonha com luzes como as da top, não precisa desanimar. Tudo o que você precisa é pedir para o seu cabeleireiro usar um tonalizante a fim de retirar o aspecto avermelhado.

Quem diria que era tão fácil conquistar esse cabelo de capa de revista, né?! Gisele Bündchen sempre linda! Dica anotada?

Bjs,
Fabi Scaranzi

3 1538

O verão tá logo aí! Com a ajuda da Dafiti escolhi quais peças e acessórios você deve apostar para criar looks lindos, seja nas férias ou no trabalho


fabi dafiti

Não dá pra negar que, quando o assunto é moda, o verão é a melhor estação do ano! As roupas são leves, mais soltinhas, estampadas, coloridas e super divertidas. Eu adoro! Para te ajudar a escolher quais peças você precisa ter no seu guarda-roupa durante esses meses mais quentes, eu e a Dafiti separamos nossas tendências preferidas. Esse meu look completo da foto acima é todinho da Dafiti! No meu smart closet da loja você encontra essas peças e muito mais! #VerãoSmart

Biquínis
Impossível pensar em verão sem incluir os biquínis nessa lista de must have! No verão 2018, aposte nos modelos estampados com flores, folhas ou listras e dê preferência para as cores quentes, como vermelho, laranja, rosa, azul e verde. Estão super em alta! Se possível, combine os acessórios com as cores do seu biquíni. Fica lindo!

fabi biquini

Dafiti recomenda: Biquíni CIA MARÍTIMA Meia-Taça Caribe Amarelo / Biquíni Classic Estampado Bege-MarromBiquíni CIA MARÍTIMA Cortininha Trindade Rosa-VerdeBiquíni Água Doce Trapézio Ibiza Verde-Laranja-Pretobiquini final

Body
O body é o meu novo queridinho, não consigo mais ficar sem e não é pra menos: a peça é um curinga do guarda-roupa e pode ser usado na piscina com um shorts jeans para um almoço na praia, com calça social para trabalhar, com uma saia fluida para um passeio no final de semana ou com uma calça mais justinha para jantares e baladas. Democrático, né?! Com ou sem manga comprida, eles serão tendência durante todo o verão 2018!

fabi maio2

Dafiti recomenda: Body CIA MARÍTIMA Botânico Azul / Body CIA MARÍTIMA Renda Brancabody3

Acessórios em palha
Velhos conhecidos da moda praia, os acessórios em palha vão tomar conta do street style nesse verão. Perfeitos para serem usados na praia ou na piscina, enquanto os chapéus ajudam a proteger do sol e a bolsa é perfeita para montar um look descolado –  e, de quebra, levar garrafinha de água, protetor solar e óculos – no dia-a-dia esses dois acessórios caem muito bem se combinados com batas ou vestidos mais soltinhos. Eu adoro e uso sempre que posso!

fabi biquini

Dafiti recomenda: Bolsa Cantão Palha Bege / Bolsa Tiracolo Petite Jolie Pequena Palha Bege / Chapéu AMARO Palha Aba Larga Rosabolsa3Maiôs
Se você não abre mão de estilo e sofisticação mesmo na praia ou piscina, mas não faz questão de ficar se bronzeando sob o sol, os maiôs são pra você. Em versões modernas e sensuais (como os asa-delta), eles marcam as curvas e destacam a região do colo. E mais: se a ideia é emendar um passeio pela cidade depois de dar um mergulho no mar, tudo o que você precisa é colocar uma calça soltinha ou uma saia mini sobre o maiô e pronto! Você consegue um look lindo, apropriado e super confortável.

fabi maio

Dafiti recomenda: Maiô Salinas Luly Coral-Preto-Verde / Maiô Salinas Grass Verde-Preto / Maiô AMARO Argola Duas Cores / Maiô AMARO Frase Asa Delta Pretomaio5

Óculos de sol
Já faz tempo que os óculos de sol deixaram de ser apenas um item de necessidade e proteção, em muitos casos eles agem como verdadeiros acessórios e dispensam até mesmo o uso de colares e pulseiras. No verão 2018, eles devem fazer parte das suas produções diariamente, em modelos espelhados, dourados e com armações coloridas. Quanto mais ousados, melhor!

fabi oculos

Dafiti recomenda: Óculos de Sol Ray-Ban Hexagonal Dourado / Óculos de Sol Ray-Ban Round Metal Bronze / Óculos de Sol Equus Espelhado Rosê-Marromoculos4Saia mini e midi
Não tem nada pior do que se sentir presa e desconfortável no verão. Minha recomendação? As saias! Mini para passear, midi para trabalhar. Depois, é só variar os sapatos, blusas e jaquetas. Enquanto os saltos grossos e os boddies criam um visual mais comportado e profissional, as mini saias com flatforms e t-shirts divertidas são a opção perfeita para um encontro com as amigas ou cinema no final de semana. Que tal?

fabi casual day

Dafiti recomenda: Saia Jeans Acrobat Curta Destroyed Azul / Saia FiveBlu Midi Listras Branca-Azul

saia3Calça
Jeans, pantalona, com fendas… eu confesso que adoro uma calça diferente. Estampada, com recortes ou aplicações, elas te ajudam a criar um look lindo sem o menor esforço. Com uma camisetinha básica e uma rasteirinha ou sandália mais aberta, a produção fica chique, confortável e te impede de passar calor. Bom, né?! Nesse verão 2018 elas são super práticas!

fabi calça 1

Dafiti recomenda: Calça Jeans Zoomp Patricia Azul / Calça Coca-Cola Pantalona Fendas Vermelha

calça3

Slides
O chinelinho favorito das fashionistas continua com tudo no verão 2018. E não é pra menos, né?! Combinados com as peças certas, os famosos slides podem ser usados até no ambiente de trabalho. Se no dia-a-dia eles ficam melhor com jeans, camisa e jaqueta, no escritório combine-os com calça de alfaiataria, saia midi de couro e coletes oversized. Mais cool que isso, impossível!

Resultado de imagem para slide chinelo

Dafiti recomenda: Chinelo Slide Adidas Performance Aqualette Azul / Rasteira Slide Moleca Vichy Bordado Preta / Rasteira Slide Fiever Listras Preta-Branca
slide4

Peças fluidas e oversized
Seja numa cidade de praia, numa viagem de final de semana, ou até para jantar fora, as peças fluidas e bem largas são escolhas certeiras. Só cuidado para não deixar o look desleixado, hein?! Se escolher uma blusa longa e oversized, prefira calças skinny ou shorts justinho. Se apostar num vestido fluido e mais soltinho, use um bom salto alto para passar a impressão de pernas finas e compridas e maxi acessórios para deixar a produção sofisticada.

fabi dafiti3

Dafiti recomenda: Camisa Lili Sampedro Curto Estampada Verde / Vestido Morena Rosa Curto Estampado Branco-Preto
camisa2

Dicas aprovadas? Para conferir essas e outras opções incríveis de moda praia, acessórios e sapatos, basta dar uma olhadinha nas novidades da minha lojinha online na Dafiti clicando aqui!

Bjs,
Fabi Scaranzi

Leve, saudável, refrescante, não demorou até que o Poke virasse moda no Brasil! Aprenda como preparar a receita e conheça seus benefícios


170505news_20170505033851_02

Olhando assim, fica fácil imaginar que o Poke nada mais é do que um temaki adaptado, afinal, ele também conta com peixe cru em cubos e arroz. Mas, engana-se quem pensa que essa receita vem do Japão! De origem havaiana, o Poke ganha cada vez mais popularidade por aqui e não é à toa: saudável, leve, gostoso e super nutritivo, nele você pode incluir tomate, cenoura e até frutas.

O resultado é uma receita refrescante e a cara do verão. Seus inúmeros nutrientes, presentes principalmente no peixe, como o ômega-3 ajudam nosso sistema cardiovascular e, por isso, fez do Poke a opção perfeita de refeição para quem acabou de malhar e quer se manter na linha.

Só cuidado com a quantidade de molho shoyu, hein?! Ele é fonte rica de sódio e por isso deve ser consumido sempre na versão light. Outra dica bacana na hora de preparar o seu Poke é substituir o arroz branco pelo integral, que é igualmente gostoso e bem mais saudável. Que tal?

Fazendo o seu Poke
Quer preparar hoje mesmo o seu Poke e saborear essa delícia? Anote aí a receita:

1. Em uma tigela, coloque o arroz integral ou do tipo japonês temperado.
2. Acrescente os sashimis de salmão, atum ou peixe de carne branca em cubos.
3. Tempere com óleo de gergelim ou um pouquinho de molho shoyu light.
4. Adicione cenoura, tomate, cebola roxa picada, abacate, manga e o que mais desejar.

Precisa de inspiração? Dá uma olhada nesse vídeo com uma receita de Poke super fácil de copiar.

Humm.. não tem cara de ser uma delícia?! Quero já preparar o meu!

Bjs,
Fabi Scaranzi

2 550

Passaporte, visto, check in, peso da mala... criei um guia prático pra você programar sua viagem internacional sem stress!


fabi viajando

Toda vez que posto um pouco das minhas viagens no Instagram recebo algumas perguntas sobre como planejar uma viagem internacional: com quanto tempo de antecedência é preciso de programar, como fazer uma mala de viagem prática e funcional, quais vacinas são necessárias tomar…

Pensando nisso, criei esse guia prático e completo com todas as dicas para quem vai programar uma viagem internacional pela primeira vez e não sabe por onde começar. Confira!

1. Passaporte, visto e vacinas
Destino escolhido, agora é a hora de pesquisar se o país (ou países) que você vai visitar exigem alguma visto prévio. Nada pior do que ser barrada no aeroporto por não estar com todos os documentos em mãos, né?! Estados Unidos, por exemplo, exigem um visto específico e para consegui-lo o processo pode ser bem demorado, uma vez que é preciso agendar uma visita ao Consulado, passar por entrevistas…

O mesmo vale para as vacinas. Alguns países exigem vacinas específicas para que você tenha permissão de entrada. A lista completa você confere clicando aqui!

2. Comprando as passagens
Hora de comprar suas passagens! Se você não tem prática em programar uma viagem internacional sozinha pode contar a ajuda de agências de turismo ou diretamente com as companhias aéreas. Agora, se você se sente confortável em procurar por passagens mais econômicas ou em promoção pela internet, vale a pena ficar de olho em sites de viagens. O SkyScanner, por exemplo, mostra o valor de passagens de várias companhias em um único lugar. Assim você pode comprar os preços e fazer o melhor negócio.

Outra dica importante é usar sites para comparar preços, mas comprar a passagem direto no site da companhia escolhida, uma vez que sites como esses costumam cobrar encargos e taxas bem altos.

3. Fecho pacote ou vou por conta?
Como já falei pra vocês aqui no site, tanto o pacote de viagens quando planejar uma viagem sozinha têm suas vantagens. O importante é levar em consideração o tipo de férias que você quer tirar. Se a ideia é fazer seus próprios horários, descansar, acordar tarde e conhecer lugares diferentes e atípicos, vale mais a pena você mesma ir atrás dos passeios e pontos turísticos que quer conhecer. Agora, se a ideia é conhecer os principais locais da cidade e se você se sente mais confortável e segura sabendo que tem alguém cuidando de tudo pra você, fechar um pacote pode ser a melhor opção.

fabi viajando2

4. Montando seu roteiro de turismo
Comece anotando todos os lugares incríveis que você faz questão de conhecer durante sua viagem internacional: pontos turísticos, restaurantes, museus… O ideal é marca-los também num mapa, assim você sabe o que fica perto do que e já “mata” vários programas em uma só tarde.

Depois, procure saber sobre os meios de transporte da cidade. O que vale mais a pena: taxi, metrô, alugar em carro? Essa questão é superimportante uma vez que isso varia de região pra região. Na Alemanha, por exemplo, os turistas gostam de andar a bicicleta, enquanto em Miami é mais vantajoso alugar um carro e em Londres, pegar um metrô.

Não se esqueça também de conferir os feriados locais e nacionais do país. Pode acontecer de você visitar a cidade durante um dia em que está tudo fechado aí seu planejamento vai por água abaixo. Melhor se prevenir!

5. Quanto levar de dinheiro
Essa é, talvez, a principal dúvida na hora de programar uma viagem internacional, por isso é tão importante fazer uma lista de todos os passeios e locais que você quer visitar e já anotar o valor médio de cada um. Inclua possíveis gastos com transporte – o site World Taximeter é ótimo para te dar um valor estimado de quanto você vai gastar nas principais cidades do mundo – hospedagem e alimentação, já dá pra saber mais ou menos quanto você vai gastar por dia. Ah, e não se esqueça de reservar um quantia para presentes e lembrancinhas. Sempre tem uma coisa ou outra que a gente não resiste e acaba comprando.

6. Pesquise sobre o clima
Hora de começar a pensar na sua mala. Ao pesquisar sobre o clima nas cidades que você vai visitar fica mais fácil montar uma mala de viagem bem prática e funcional e ainda descobrir quais passeios você pode fazer naquela época do ano – alguns pontos turísticos costumam ter horários diferentes ou até fechar dependendo da estação.

Para não ficar com nenhuma dúvida, dá uma olhadinha no site AccuWeather. Ele é capaz de passar a previsão do tempo de até meses antes, além de uma média de temperaturas.

7. Arrumando sua mala de viagem
Nada de levar seu guarda-roupas inteiro! Na hora de arrumar sua mala, leve em conta quanto tempo você vai passar viajando, quais passeios vai fazer, e, de preferência, já bole conjuntinhos para cada um desses dias. Uma boa ideia é levar uma calça que combine com várias blusas (jeans e leggings são sempre boas opções) e só trocar a parte de cima. Aposte nos acessórios para dar uma cara nova aos seus looks todos os dias e guarde-os dentro de meias e sapatos se precisar. Assim eles não vão ocupar espaço extra.

fabi viajando3

8. Confira suas reservas e passagens
A data da sua viagem internacional está se aproximando? Então certifique-se de que todas as suas reservas estão confirmadas e passagens ok. Separe em um envelope toda a documentação que você vai precisar e guarde na mala de mão. Assim fica fácil alcança-los sempre que forem solicitados.

9. Acerte no look
A roupa para viajar também gera algumas dúvidas. Lembre-se que você vai passar horas no avião e, em muitos casos, também terá que fazer conexões e escalas, por isso conforto é fundamental. Quer saber como criar um look bem prático, mas cheio de estilo na hora de viajar? Dá uma olhada em um post especial sobre o assunto clicando aqui!

10. Chegue cedo
O grande dia chegou! É importante ter em mente que um voo internacional pede que os passageiros façam o check-in com pelo menos três horas de antecedência. Assim você evita correria se pegar filas na hora de despachar sua bagagem e faz tudo com calma. Ah, e falando em bagagem, não se esqueça de checar no site da companhia aérea qual o peso máximo e a quantidade de malas permitidas por pessoa. Nada pior do que pagar uma taxa extra por excesso de bagagem.

Dicas anotadas?

Bjs e boa viagem,
Fabi Scaranzi

0 1503

Descobrimos o segredo da pele linda de Kate Middleton: óleos faciais! Confira quais são os produtinhos preferidos da rotina de beauté da duquesa


kate m

Como não se espelhar em Kate Middleton? A duquesa de Cambridge é exemplo de elegância, educação, classe, simpatia e de uma beleza sem igual. Não é à toa que Kate já foi inspiração para matérias de moda e até cortes de cabelo aqui no site.

Não importa a ocasião, Kate Middleton está sempre impecável e esbanja uma pele de dar inveja. Livre de vincos, manchas de sol ou acne, fica impossível não se perguntar: como é que ela consegue? O segredo da saúde da pele de Kate está no skincare. Apostando em cuidados diários, a duquesa não abre mão de óleos faciais e derruba um mito comum: óleos naturais não deixam nossa pele gordurosa. Pelo contrário! Eles hidratam e são absorvidos rapidinho.

Quer ficar com a pele igual a de Kate Middleton? Veja quais são os três óleos faciais que não podem faltar na rotina de beleza da duquesa!

Multi-uso
Fã do óleo de rosa-mosqueta, o produto tem propriedades antioxidantes, alivia inflamações (em especial as acnes) e é ideal para evitar estrias se usado no corpo. Segundo o jornal US Weekly, Kate abusou do óleo da marca neo-zelandeza Trilogy (que só vende produtos 100% naturais) durante a gravidez de Charlotte – tudo para manter a pele lisinha e longe de marcas.

Segundo a marca, Kate Middleton é um exemplo tão grande para a mulherada que eles chegam a vender um frasco do óleo a cada 20 segundos. Absurdo, né?! Interessadas, atenção: cada um custa 54 dólares e a marca entrega para o Brasil.trilogy-certified-organic-rosehip-oil-mycaremalaysia-1708-10-F236921_3

Tratamento noturno
Kate Middleton pensa nos cuidados da pele até na hora de dormir. O Beauty Sleep Elixir (elixir do sono de beleza, em tradução simples), da marca inglesa Beauti está sempre presente na nécessaire da duquesa. A fundadora da marca, Leila Aalam contou à revista People que Kate manda entregar vários frasquinhos diretamente no Palácio de Kensington e deixa alguns no seu criado-mudo. Assim fica fácil cuidar da face antes de se deitar.

Feito à base de uma mistura de 14 óleos naturais, sem parabenos, sulfatos, sintéticos, silicones ou fragrâncias, ele ajuda a aliviar inflamações, manter as barreiras hidrolipídicas da pele e, graças a grande presença de minerais, vitaminas e ômegas, ainda trata acne, envelhecimento precoce e manchas de sol. Cada vidro custa 42 libras e, na internet, você encontra sites multimarcas que entregam para cá. Anotou?elixir

Pré-make
Já notou que, junto com o make leve e natural, Kate Middleton está sempre com um brilho a mais na pele? Seu segredo é o Super Seed, óleo facial da marca inglesa Votary. O produto é criado a partir de 21 tipos diferentes de sementes – que vão desde chá verde, chia e romãs, até abóbora e morango –  e promete aliviar inflamações e blindar a pele de possíveis irritações. O preço, entretanto, é um pouco salgado: 70 libras (aproximadamente R$ 300). Mas se você sonha em ficar com a pele como a de Kate, o investimento vale a pena. E o melhor: eles entregam no Brasil!Super-Seed-Facial-Oil-Pippette

Óleos faciais anotados? Agora ficou mais fácil conquistar aquela pele de princesa! Obrigada por revelar seus segredos de beleza, Kate!

Bjs,
Fabi Scaranzi

*Fonte: MarieClaire BR

3 1138

A cara do verão, o vestido longo estampado é must have na próxima estação. Aprenda como usar essa peça curinga sem erro em 2018!


fabi vestido2

Dando uma olhadinha no meu Instagram, não pude deixar de reparar na grande quantidade de fotos que eu tenho usando vestido longo estampado. E não é pra menos, né?! A peça, curinga de qualquer guarda-roupas, é atemporal, levinha, super confortável e perfeita para deixar qualquer mulher mais bonita e elegante. Sem contar que as estampas deixam o vestido tradicional ainda mais feminino, né?!

O vestido longo estampado floral é, sem dúvidas, meu favorito. Com flores pequenas, grandes, folhagens, abstratas, eles são a cara do verão e, com um belo cinto marcando a cintura, marcam bem as curvas e delineiam a silhueta.

fabi vestido1b

E como são práticos, né?! Bastou escolher uma bolsa e sapato que combine com a cor da estampa e voilá! Look pronto e perfeito para ser usado em qualquer ocasião.

Mas, não vá pensando você que o vestido longo estampado não exige alguns cuidados. Com uma grande variedade de cores, cortes e materiais, alguns modelos contam com fendas generosas, recortes estratégicos e até transparências, aí a atenção precisa ser redobrada. O forro, por exemplo, dever ser sempre da mesma cor do vestido ou do tom da sua pele.

Enquanto o vestido longo monocromático tem o poder em enganar o olhar e criar a ilusão de silhueta mais longa e fina, o vestido longo estampado é perfeito para quem não abre mão de um toque de cor, principalmente no verão. Entretanto, vale a pena lembrar dessa regrinha básica: enquanto estampas menores ou mais aglomeradas ajudam a diminuir as proporções, desenhos grandes destacam medidas.

fabi vestido8

E mais: assim como na maquiagem, no mundo da moda, o branco também amplia, enquanto o preto diminui. Por isso, se a ideia é esconder aquelas gordurinhas a mais, prefira modelos com fundo escuro, como preto, grafite, marrom ou marinho.

Quer um toque mais sensual ou presente usar seu vestido longo estampado durante a noite? Sem problemas! O segredo é escolher o modelo envelope – aquele transpassado que marca bem a cintura e deixa o colo à mostra. Finalize o look carregando nos acessórios.

fabi vestido6

Vestidos vazados também são uma boa pedida! Além de super elegantes, seus recortes estratégicos têm o poder de alongar e tirar o foco daquelas gordurinhas a mais. Ah, e outra dica: quanto mais fluído for o tecido (caimento sem armar), maior será a sensação de corpo esguio. Bom, né?

fabivestido7

Pensando em ir as compras? Fique de olho nessas dicas na hora de comprar seu vestido longo estampado!

Mulheres baixinhas (com menos de 1.60m) ficam melhores com vestidos que se estreitam na região da cintura. Um cinto na ajuda a criar esse feito.

Quem tem seios grandes deve optar por modelos com alças reforçadas ou vestidos com bojo para sustentação.

Nos pés, prefira sapatos mais fresquinhos, como as slides, rasteiras ou sandálias abertas. Salto alto e anabela estão liberados desde que não apareçam tanto.

Jaquetas jeans e de couro ficam lindas sobre vestidos longos estampados, desde que no modelo cropped.

Viu como acertar na hora de usar seu vestido longo estampado é mais simples do que se imagina?

Bjs,
Fabi Scaranzi

1 872

Heidi Hanna, diretora executiva do The American Institute of Stress e autora mais vendida do ano de acordo com o New York Times, escreveu uma carta de despedida ao estresse. Seu depoimento sincero é tocante. Confira na íntegra!


fabi carta stress

Ao ler a carta de despedida ao estresse escrita por Heidi Hanna, diretora executiva do The American Institute of Stress e autora mais vendida de 2017 de acordo com o New York Times, percebi que esse problema – também conhecido como um mal do século – é muito mais comum do que a gente pensa e principalmente: que muitas de nós já não conseguem mais imaginar a vida sem uma dose de estresse todos os dias. Alarmante, né?! Quem diria que essa palavra tão temida (e conhecida!) na atualidade serviria também como uma injeção de motivação para que a gente não se deixe abater?

Abaixo, traduzo a carta na íntegra. Dá uma olhada!

Querido estresse,

Deixe-me começar dizendo o quanto estou agradecida pelo tempo que passamos juntos. Essa carta não é sobre você, mas sobre mim. Você esteve lá para me levantar com mais frequência do que eu posso me lembrar. Muitas manhãs, quando eu queria ficar na cama para descansar, você me lembrou que eu não tinha um momento sequer para desperdiçar. “Viva a vida ao máximo”. “Você só vive uma vez”. “Você pode descansar quando estiver morta”. Foi a sacudida de energia que eu precisava para sair e deixar minha marca no mundo. Para alcançar minhas metas. Para me esforçar para ser mais, fazer mais e ter mais.

E, no entanto, eu vejo agora como meu caminho está me levando para uma direção diferente. Um caminho que me obriga a deixar minha dependência dessa sua força motriz. Enquanto a ansiedade crônica e o esforço interminável para a perfeição me parece reconfortante e familiar, ficou claro para mim que o medo da minha vida sem você atrapalha minha capacidade de me tornar verdadeiramente a minha melhor versão de mim mesma.

É lógico que eu sei que, se eu deixar você ir, minha sabedoria natural assumirá o controle do progresso bem além da minha perspectiva preenchida pelo estresse. Eu li décadas de pesquisas mostrando que, embora nos sintamos mais energizados temporariamente, o estresse como combustível só contribui para nosso processo de deterioração, prejudicando nosso corpo e mente numa velocidade rápida e sugando a nossa capacidade de ser, de fato, extraordinária. Entretanto, pisar no abismo da felicidade ainda me parece incomum e eu tenho medo de não me tornar “nada”.

Então, de repente eu me lembro: não temos que dizer adeus. Eu não deixo você para trás. Estou convidando você para uma nova jornada comigo. Um caminho melhor e um passeio mais suave que nos leve para onde queremos ir, sem resistência. Aceitando que podemos coexistir e nos elevarmos, redefinindo o que significa enfrentar a vida juntos. Talvez, vendo um ao outro e o que realmente somos – eu, um trabalho em progresso e você, uma luz brilhando nos momentos mais difíceis para me mostrar onde a cura deve ocorrer – talvez então possamos evoluir e nos adaptar para nos tornarmos nosso melhor.

Para fazer isso, devemos criar um novo relacionamento. Vamos apreciar o passado e o que nos trouxe até aqui e, então consideraremos como trabalhar juntos, em harmonia, para alcançar nossos objetivos mais importantes de saúde, felicidade e amor. Avançando, eu escolho te ver como uma aventura, uma oportunidade e um experimento nesse presente extraordinário chamado vida. Tudo o que eu peço é que me permita cometer erros, que me deixe continuar sendo um “trabalho em andamento” e que libere o botão “soneca” do celular de vez em quando.

Heidi Hanna

Muito sensível e verdadeiro o depoimento da autora. Quem aí, assim como ela também se vê dependente do estresse e sente que precisa desse pico de ansiedade para cumprir todos os compromissos da agenda? Mais ainda: quem tem consciência dessa dependência, mas busca alternativas práticas para relaxar e cuidar do corpo e mente? Conte pra mim nos comentários seus truques e estratégias.

Lembre-se de dar um passo de cada vez e respirar fundo. Sua saúde (física e mental!) agradece!

Bjs,
Fabi Scaranzi