Zalipie: conheça a aldeia mais florida da Polônia

Conhecida por suas pinturas florais, o vilarejo de Zalipie, na Polônia, atrai turistas graças a sua decoração colorida e vibrante

0 1569

Acabo de colocar mais um destino na minha lista de lugares que eu ainda quero conhecer: Zalipie! Já ouviu falar?

Localizado na região sudeste da Polônia, Zalipie é um vilarejo isolado conhecido pela decoração bem peculiar de suas casas. Muito coloridas e cheias de vida, portas, janelas, móveis e até cômodos inteiros são pintados pelas mulheres locais, mas não com uma única cor como fazemos aqui, mas sim com uma infinidade de estampas florais vibrantes.

Tantas casas estampadas com flores fazem Zalipie parecer um imenso jardim, trazendo vida e alegria tanto para os moradores, quanto para os turistas. Interessante, né?

zalipie_aldeia_polonia_01

Não se sabe exatamente quando foi que essa tradição começou. Uma lenda local, entretanto, diz que a origem remonta a época em que a fumaça dos fogões sem chaminés escapava pelos pequenos buracos nos tetos e, para tentar branquear e encobrir as manchas de fuligens nas paredes, as mulheres de Zalipie passaram a pintar flores por todas as paredes e, em muitos casos, até no teto.

zalipie_aldeia_polonia_02

Apesar dos “tapa-manchas” não serem mais necessários nas cozinhas modernas, os moradores de Zalipie fazem questão de manter a tradição. O mais interessante é que, ao longo do tempo, os padrões de desenhos se tornaram mais complexos e sofisticados, sendo considerados uma verdadeira obra de arte. E engana-se quem pensa que as pinturas ficam limitadas apenas às casas. Ao andar por Zalipie, rapidinho você encontra ranchos, galinheiros, caixas d’água, casinhas de cachorro, muros e poços pintados à mão. Até mesmo a ponte da aldeia foi restaurada e hoje conta com desenhos florais por toda sua extensão.

zalipie_aldeia_polonia_03zalipie_aldeia_polonia_09

Outra curiosidade: em tempos mais antigos, as mulheres de Zalipie faziam seus próprios pincéis usando o pelo do rabo de vacas e cavalos, já pensou no trabalho? Os pigmentos também eram orgânicos, sendo produzidos com a gordura de frituras para maior pigmentação à tinta. As casas eram decoradas normalmente uma vez por ano, durante a festa de Corpus Christi, quando ainda não havia muito trabalho agrícola pra fazer.

zalipie_aldeia_polonia_04

As pinturas florais em Zalipie se tornaram tão populares que hoje a aldeia tem uma competição anual para celebrar essa tradição. Pintores locais, na maioria mulheres, competem para ver quem cria os arranjos florais mais bonitos e criativos nas paredes das casas, além de retocarem padrões de anos anteriores. Muito bacana!

zalipie_aldeia_polonia_05

E como falar da arte de Zalipie sem mencionar Felicja Curylowa, uma senhora que se tornou tão obcecada por essas pinturas que cobriu de flores cada pedacinho possível da sua casa de três quartos. E quando eu digo tudo, é tudo mesmo! Paredes, colchas, almofadas, cobertas, móveis e até mesmo o tempo. A arte é tanta que sua casa já foi transformada em museu e constantemente é aberta para turistas.

zalipie_aldeia_polonia_20zalipie_aldeia_polonia_21zalipie_aldeia_polonia_22

Dá uma olhada nessas outras fotos de Zalipie! É tudo tão lindo que fica possível não querer conhecer a região o quanto antes.

zalipie_aldeia_polonia_08zalipie_aldeia_polonia_10zalipie_aldeia_polonia_13 zalipie_aldeia_polonia_16 zalipie_aldeia_polonia_17 zalipie_aldeia_polonia_18 zalipie_aldeia_polonia_19zalipie_aldeia_polonia_23 zalipie_aldeia_polonia_24 zalipie_aldeia_polonia_25 zalipie_aldeia_polonia_26 zalipie_aldeia_polonia_29 zalipie_aldeia_polonia_30

Lindo, né? Quem aí ficou com vontade de conhecer Zalipie?

Bjs,
Fabi Scaranzi

*Imagens: PolandMFA, Magro_kr e mksfca.