5 lugares que você precisa conhecer sozinha

Viajar sozinha é uma ótima maneira de se conhecer melhor, traçar novas metas e mudar pontos de vista. Conheça cinco lugares que você não pode deixar de visitar

0 2974

169a9150-a900-0133-988d-0a6c20e5e327

Muita gente diz que para se tornar uma mulher completa, é preciso viajar sozinha pelo menos uma vez na vida. Não importa qual seja o motivo: se tornar mais independente, conhecer novos ares depois do fim de um relacionamento, estar um pouco perdida quanto ao rumo da sua carreira. O fato é que viajar sozinha te trará novas noções dos seus próprios limites, além de ensinar você a ter uma consciência maior sobre seu dinheiro, sobre novas culturas e até mesmo, sobre pessoas que você jamais se deu chances para conhecer.

E mais: ao viajar sozinha você tem total liberdade de fazer sua própria agenda, acordar mais tarde, ir para onde quiser e explorar uma cidade nova da maneira como bem entender. Está a fim de se aventurar? Então comece conhecendo essas cinco cidades maravilhosas!

1. Reykjavik, Islândia
Conhecida por sua famosa Lagoa Azul e um centro pitoresco, o turismo em Reykjavik tem se tornado cada vez mais forte e a cidade é perfeita para passar um fim de semana. Lá, a maioria dos moradores falam inglês, então você não precisa se preocupar em se familiarizar com a língua. Para quem quer viajar sozinha gastando pouco, é possível alugar um quarto por 40 dólares a noite ou até mesmo passar uns dias com uma família, quase como um intercâmbio. A cidade é bem sinalizada e super fácil de explorar, contando com ônibus que levam você diretamente aos pontos turísticos.blue lagunEnquanto estiver lá: Por ser uma cidade mais tranquila, procure usar esse tempo para refletir sobre a vida e, porque não, escrever um diário sobre sua experiência viajando sozinha. Pare para tomar um café numa das pitorescas ruas de Reykjavik. O cenário é perfeito para fazer uma mini limpeza na alma.

2. San Juan, Porto Rico
Quando se trata de segurança, Porto Rico está no topo da lista das ilhas do Caribe. E com dezenas de resorts com tudo incluído, você só precisa de 20 dólares para sua corrida de taxi do aeroporto ao hotel. Assim, fica fácil desligar sua mente do que deixou aqui no Brasil, né? Muitas agências de turismo ainda oferecem pacotes com passeios de barco, jet ski, caiaque, mergulho e até tirolesa. Não deixe de perguntar na recepção do hotel quais os melhores bares e restaurantes frequentados pelos moradores de San Juan. Vale a pena experimentar os pratos típicos. Se você quer sair da rotina e experimentar atividades totalmente novas, esse lugar é pra você.san juanEnquanto estiver lá: Quando você decidir fazer uma pausa das praias lindas da cidade, agende uma visita ao Old San Juan. Lá você poderá conhecer ruínas, comprar artesanato local, provar comidas diferentes e ouvi música ao vivo nas ruas.

3. Edimburgo, Escócia
Apesar de Edimburgo ter muitos dias de chuva (cerca de 191!) você não pode deixar que o tempo fechado acabe com toda a arte na capital escocesa que merece a sua visita. Se você passar pela cidade durante o Festival Fringe, é possível desfrutar de uma seleção enorme de alimentos típicos, música, dança e peças de teatro. Você pode também passar por ruas históricas, experimentar as famosas cervejas locais e conhecer moradores super amigáveis. E se decidiu viajar sozinha para buscar inspiração e trabalhar a criatividade, não deixe de conhecer o encantador Museus da Infância.Stunning-Images-Edinburgh-Scotland-3Enquanto estiver lá: Passe algum tempo no The Royal Mile, onde você pode ver de tudo: desde as joias da coroa escocesa no Castelo de Edimburgo, até restaurantes, bares, lojas e danceterias.

4. Estocolmo, Suécia
Se você está ansiosa para viajar sozinha, mas ainda bate aquele friozinho na barriga quando o assunto é segurança, Estocolmo pode ser sua melhor aposta, uma vez que foi eleita a cidade mais segura da Europa. Apesar do preço ser um pouco mais salgado, principalmente no centro sueco, a viagem vale a pena por ser um lugar com um design tão peculiar você vai passar o dia se surpreendendo com sua arquitetura e pontos turísticos. Anote aí: vale a pena visitar Ostermalm e fazer um tour por ruas históricas.stocolmoEnquanto estiver lá: Alugue uma bicicleta! Há uma abundância de ciclovias onde quer que você vá, por isso é fácil de se locomover, além de te permitir ver de perto os detalhes de lugares maravilhosos. E para quem gosta, um passeio de balsa pode ser uma opção divertida também.

5. Lisboa, Portugal
Belos edifícios coloridos e calçadas de pedra chamam a atenção enquanto você pega o acesso à praia. E quem é fã de academia e não gosta de sair da rotina, vai continuar mantendo o corpo em forma já que a cidade é mais fácil de ser percorrida a pé. Mesmo sendo uma cidade grande, Lisboa te dá a sensação de cidade pequena e aconchegante, além de ter uma língua local super fácil de compreender. Você pode visitar muitos locais históricos, como a Igreja de Santa Engrácia, Ponte 25 de Abril e o Mosteiros dos Jerônimos, tudo em um único dia.Lisboa-Portugal.Enquanto estiver lá: faça compras na Feira da Ladra, onde os tecidos e artesanatos locais são o grande destaque. Pra terminar, dê-me como um pequeno mimo uma sobremesa tradicional, como um delicioso creme brulee ou até mesmo um pastelzinho de Belém.

Portas em automático, partiu aproveitar o seu momento!

Bjs,
Fabi Scaranzi

*Imagens: Divulgação