Menu
 1616
9 truques para fazer seu dinheiro virar um dinheirão
Eu e a Easynvert, com o projeto “Nós, Mulheres Investidoras”, vamos ensinar alguns hábitos infalíveis para fazer seu dinheiro multiplicar e render sempre mais

dinheiro - dinheiro virar um dinheirão foto destaque

O projeto “Nós, Mulheres Investidoras”, em parceria com a Easynvest, continua a todo vapor! Engana-se quem pensa que, quando o assunto é educação financeira, aprender como economizar e gastar seu dinheiro de maneira consciente é o suficiente. É importante também adequar alguns hábitos da sua rotina diária para multiplicar sua renda e transformar seu dinheirinho em um dinheirão.

Por isso, separamos abaixo 9 truques práticos, simples e infalíveis para fazer seu dinheiro render sem esforço. Fique de olho!

1. Tenha planejamento e anote seus gastos
Crie uma planilha de gastos mensais e anote tudo (tudo mesmo!) que entra e que sai da sua conta bancária, desde as compras no supermercado até o cafezinho no fim do dia. Assim você consegue calcular os gastos desnecessários e fazer ajustes essenciais.

2. Crie uma reserva financeira
Se você organizar direitinho sua renda mensal dando prioridade para as contas mais importantes (água, luz, condomínio, cartão de crédito…) vai conseguir separar uma quantia para aplicar mensalmente na renda fixa. Por exemplo: 500 reais aplicados todo mês (com juros de 0,8% ao mês), viram, em 25 anos, 620 mil reais. Bom, né?

3. Fique de olho nas taxas bancárias
Para muita gente, essas despesas passam despercebidas, mas vale a pena ficar de olho nas taxas cobradas pelos bancos não apenas com tarifas de manutenção, mas também com custos de DOC ou TED ou até mesmo anuidades do cartão de crédito. Segundo o Banco Central, itens bancários essenciais, como receber um cartão de débito, fazer consultas pela internet, realizar duas transferências por mês entre contas de um mesmo banco e descontar cheques podem ser realizados sem nenhum custo.

4. Conta digital x conta-salário x conta corrente
Não conhece as diferenças entre elas? Dá uma olhada e escolha qual tem mais a ver com o seu perfil.

– Conta digital: esse tipo de conta é isenta de tarifas, desde que as movimentações sejam realizadas por internet banking em tablets, smartphones e caixas eletrônicos. Você pode consultar saltos, extratos e realizar pagamentos online sem nenhum custo adicional. Tarifas só serão cobradas em caso de transações feitas no caixa, por atendimento telefônico ou com o seu gerente.

– Conta-salário: se você trabalha numa empresa, pode ser uma boa manter uma conta-salário, ainda mais se tudo o que você precisa é fazer apenas alguns saques ao mês, ou compras no cartão de débito. Cheque se o seu banco permite outras operações sem cobrança, como transferência de quantias via DOC ou TED. Ah, e atenção: com a conta-salário você não tem direito à talão de cheques, e qualquer outra operação é tarifada.

– Conta corrente: se você é do tipo que vai ao banco com frequência e vive fazendo transações, talvez o melhor seja manter uma conta corrente. Ela te oferece um pacote de serviços que costumam variar de banco para banco. E se não esqueça de negociar. Mostre ao seu gerente uma média de operações que você realiza mensalmente, peça descontos e facilidades. Uma boa relação com o seu banco traz benefícios para ambos os lados.

5. Aproveite ao máximo os períodos de liquidação e black friday
Mais do que comprar produtos que você já vinha namorando por preços bem mais baixos do que os originais, que tal criar uma “poupança de liquidações”. Como? Colocando o valor economizado em uma aplicação. Assim, ao comprar por R$ 100 um sapato que custaria R$ 200, a metade poupada deve ser considerada uma renda a ser aplicada.

dinheiro - dinheiro virar um dinheirão foto de dentro

6. Cuidado com as taxas do cheque especial

Elas estão entre as mais altas do mercado e só perdem para as do cartão de crédito e dos empréstimos de financeiras. Portanto, nada de usar esse extra de maneira inconsciente, ok? Considere a opção apenas em situações de emergência e sempre a curto prazo.

7. Comece a investir
Agora que você já sabe como usar seu dinheiro de maneira responsável minha dica é que você reserve 20% do seu salário para investimentos. Já ouviu falar em corretoras de valores? Elas são instituições financeiras que comercializam produtos de investimentos, como ativos de renda fixa ou fundos de investimento, e, de quebra, fazem a negociação de ações e títulos públicos. A vantagem? Como não é vinculada a nenhum banco, a corretora tem liberdade total para oferecer diferentes produtos de renda fixa com prazos, taxas e emissores variados.

8. Escolha o melhor tipo de investimento pra você
Já pensou em dar preferência aos Fundos de Investimento Imobiliário? Eles são investimentos bem parecidos com os já conhecidos fundos de investimento, mas todo o recurso captado é investido exclusivamente no setor imobiliário. Além de ser muito mais prático do que investir de fato num imóvel, o FII exige um valor de investimento muito mais baixo e te permite, inclusive, comprar apenas uma cota. Quer mais? Com esse tipo de investimento, você pode lucrar, tanto através da valorização da cota, como por meio do aluguel pago aos fundos e que são repassados aos cotistas ou até através da dissolução do fundo.

Outro tipo de investimento pra ficar de olho são os fundos da categoria de Sustentabilidade e Governança Corporativa. Segundo a Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiros e de Capitais (Anbima), eles tiveram, em média, 10,54% de retorno em um ano em 2016.

9. Pesquise sobre títulos do Tesouro Direto
Por fim, uma última sugestão: o Tesouro Direto. Nunca ouviu falar? Ele nada mais é do que um Programa do Tesouro Nacional para venda de títulos públicos federais para pessoas físicas, através da internet. O diferencial desse tipo de investimento é que você pode compra-los com pouco dinheiro – a partir de R$ 30! Super acessível, o Tesouro Direto apresenta opções de investimento que se encaixam aos mais diferentes objetivos financeiros, além de oferecer boa rentabilidade e ser a aplicação de menor risco do mercado.

Dicas anotadas? Que tal participar do #nosmulheresinvestidoras você também? Clique aqui para conhecer melhor o projeto e ficar por dentro dos serviços oferecidos pela Easynvest.

Bjs,
Fabi Scaranzi

 

*Imagens: Shutterstock
*Fonte: Easynvest


VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR DISSO
FAB PRODUÇÕES
BIOGRAFIA
PALESTRAS
  • Mulheres muito além do salto alto
  • Albert Einstein
Fabiana Scaranzi
© Copyright 2017 - Fabiana Scaranzi. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido ou usado, exceto com a permissão prévia por escrito. Site por Design Ideal

Fabiana Scaranzi

Site feminino, com notícias, beleza, moda, saúde e bem-estar.

Coaching, Viagens, Vídeos, Como Fazer, Mundo Scaranzi

Por Fabiana Scaranzi

Miss Lily Comunicação