Menu
 1780
Baixe agora meu e-book: 10 erros mais comuns ao falar em público
O guia fácil e essencial de meditação para iniciantes. Aprenda já!
A prática da meditação pode parecer intimidante, mas acredite: só traz benefícios! Confira um guia prático e super fácil pra você aprender ainda hoje a relaxar corpo e mente

bem-estar - meditação foto de destaque

A prática da meditação tem se tornado cada vez mais popular, não apenas nas escolas e academias, mas até mesmo dentro dos escritórios e grandes empresas e não é à toa. Todo mês novos estudos comprovam os benefícios desse exercício que tem como principal missão nos ajudar a relaxar e desintoxicar corpo e mente.

Não acredita? Pesquisas já comprovaram que a meditação ajuda a diminuir o estresse, equilibrar a pressão arterial, melhorar o sono, além de aumentar nossa empatia e nos tornar mais focadas, equilibradas, produtivas e muito mais criativas.

Entendendo a meditação
O princípio básico da meditação nada mais é do que concentrar sua atenção e esvaziar a mente, nem que seja por apenas três minutos. Na teoria, parece simples, mas para muitos, ainda sem prática, o exercício pode parecer um grande desafio.

Se você faz parte desse time, mas morre de vontade de começar a meditar e a sentir seus benefícios, aqui vai uma boa notícia: abaixo, eu ensino um guia simples e essencial de meditação para iniciantes. No começo, conseguir desacelerar e focar sua mente no agora não vai ser tarefa fácil, é verdade. Afinal, até os mestres da prática, como Dalai Lama, por exemplo, admitem que nem sempre consegue atingir o grau máximo da concentração, mas se você criar a rotina de praticar o exercício todos os dias, meditar vai se tornar uma tarefa cada vez mais fácil e prazerosa, pode acreditar!

Medite de manhã
A meditação deve ser a primeira coisa que você faz ao começar o seu dia. O motivo? Ela vai te dar a energia necessária para realizar seu potencial ao máximo. E não precisa começar com 15 minutos não, viu? Cinco minutos todos os dias são o suficiente para quem ainda não tem prática.

Encontre sua posição ideal
Você não precisa se sentar com as costas retas e as pernas desconfortavelmente dobradas como aquelas representações do Buda. Aliás, as chances de você sentir dores nos joelhos e quadris são enormes. Escolha uma posição confortável, como se estivesse sentado no sofá para assistir televisão, relaxe os braços, pernas e pescoço. Ah, e fique longe de distrações, como animais, crianças ou até mesmo eletrônicos como celulares e televisões. Para quem é iniciante, o ideal é praticar a meditação sempre sozinha.

bem-estar - meditação foto de dentro 1

(Imagem: Shutterstock)

Só respire
Parece simples, mas para quem está começando agora a meditar o exercício é só esse mesmo. Cinco respirações profundas pela manhã – e porque não, mais cinco à noite – são só o que você precisa para começar o primeiro nível dessa técnica. Enquanto conta até quatro, inspire pelo nariz, enchendo os pulmões. Então, expire contando até quatro novamente.

Agradeça
Meditar também pode girar em torno de um pensamento ou ideia. A melhor delas? Gratidão! Aproveite que você está de olhos fechados e pense em tudo aquilo pelo qual você é grata. Comece agradecendo pelo milagre da vida, pelo seu corpo e sua saúde. Agradeça por estar recebendo a chance de viver mais um dia. Vários estudos demonstram que a gratidão aumenta nossa esperança e sensação de felicidade. Por isso, aproveite a meditação como um momento consciente para reconhecer tudo aquilo pelo o que você é grata, filtrando somente energias positivas.

Não resista a seus pensamentos
Muita gente acredita que o segredo da meditação está em não pensar em nada. Entretanto, entrar nesse estado de transe é super difícil e leva tempo para ser alcançado. Não tem prática na meditação? Então atenção à dica: não tente resistir aos seus pensamentos. Procure enxergar todos eles como a água de uma piscina que você está nadando. Enquanto você nada, você não precisa observar, analisar ou resistir a água, mas sim se mover de acordo com ela. Quanto mais você lutar contra ela, maiores as chances de se afogar. Faça o mesmo com seus pensamentos. Não brigue com eles, não tente ignorá-los, não resista a eles ou os restrinja. Deixe que eles permaneçam ali, mas sem interferirem no seu processo de relaxamento ou forçarem você a pensar num plano de ação, levando sua mente a uma enxurrada de novas ideias.

Ainda não se convenceu a começar ainda hoje a meditar? Estudos comprovam que meditar constantemente, mesmo que por apenas cinco minutos, durante um período de 16 semanas, melhora nossos níveis de estresse e ajuda a blindar nossa saúde mental contra doenças como ansiedade e síndrome do pânico. Ao se sentir conectada consigo mesma você vai começar a curtir esse período de autoconhecimento e não vai demorar até que esse se torne o momento mais prazeroso do seu dia, principalmente quanto todos os benefícios da meditação citados lá em cima começarem a aparecer.

E você, já tentou meditar? Sentiu dificuldade em sem concentrar? Divida sua experiência aqui comigo.

Bjs,
Fabi Scaranzi


VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR DISSO
FAB PRODUÇÕES
BIOGRAFIA
PALESTRAS
  • Mulheres muito além do salto alto
  • Albert Einstein
Fabiana Scaranzi
© Copyright 2017 - Fabiana Scaranzi. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido ou usado, exceto com a permissão prévia por escrito. Site por Design Ideal

Fabiana Scaranzi

Site feminino, com notícias, beleza, moda, saúde e bem-estar.

Coaching, Viagens, Vídeos, Como Fazer, Mundo Scaranzi

Por Fabiana Scaranzi

Miss Lily Comunicação