Menu
 5366
Baixe agora meu e-book: 10 erros mais comuns ao falar em público
SPFW Inverno 2017: confira o melhor de cada desfile
Fiquei de olho em todas os desfiles que passaram pela passarela desse SPFW e, nessa matéria especial, trago um pouquinho dos destaques de cada coleção

Nos dias 13 a 17 de março, rolou no Parque do Ibirapuera, a 43ª edição da São Paulo Fashion Week – principal semana de moda do Brasil. Eu, lógico, fiquei de olho em todas as marcas que passaram pela passarela e abaixo, mostro um pouquinho de cada um dos desfiles e quais tendências merecem atenção. As apostas foram lançadas. Confira já!

DIA 1

ANIMALE
A Animale abriu a SPFW com direito a duas apresentações, a primeira no maior conceito “see now, buy now”, e a segundo exclusivamente às clientes. Muito bacana! O estilista baiano Vitorino Campos se inspirou em recortes modernos e jogo de texturas numa coleção inspirada inclusive para a noite para compor suas jaquetas de couro e coletes desconstruídos. Adorei!
Arquivo_000 (91)

UMA | RAQUEL DAVIDOWICZ
Marca registrada da grife, a estilista Raquel Davidowicz atualizou sua alfaiataria nessa edição SPFW com muitas amarrações, fendas e recortes assimétricos, numa cartela de tons neutros voltados principalmente para o vermelho e amarelo. A malharia cinza deu o toque prático e confortável que a marca tanto preza, apesar da forte presença de botas pesadas e maxi acessórios.Arquivo_000 (92)

LILLY SARTI
A marca Lilly Sarti apostou no volume e nas formas dos anos 80 para sua coleção (que já está disponível nas lojas) nesse SPFW. A proposta foram looks tingidos em tons de uma mesma cor, em looks monocromáticos incríveis, ricos inclusive no jogo de textura. Tudo lindo!Arquivo_000 (93)

OSKLEN
Foi numa viagem para a Islândia que Oskar Metsavaht encontrou a inspiração que precisava para a coleção Inverno 2017 da Osklen. As paisagens e atmosfera da região deram o tom do desfile, que apresentou diferentes versões de casacos pesados com gola-alta e vestidos paraquedas. Na cartela de cores, tons lavados de azul e rosa contrastaram com a força do laranja e verde. Tudo de muito bom gosto.Arquivo_000 (94)

DIA 2

VITORINO CAMPOS
O estilista levou às passarelas do SPFW referências da obra do diretor Terrence Malick, mostrando sua reflexão sobre a origem do universo e tragédias pessoais. Como resultado, muitas peças em cores primárias, xadrez e acessórios lúdicos em peças de nylon, couro e lã.
Arquivo_000 (71)

SISSA
A marca de Alessandra Affonso Ferreira estreia na SPFW com um desfile recheado de looks superfemininos, com estampas vibrantes feitas em aquarela e confecção artesanal. “Busquei inspiração em álbuns de família para criar a coleção: meus pais se conheceram no Irã, se casaram em Mombaça, no Quênia, e cresci rodeada de referências culturais ricas”, comentou Alessandra ao mostrar as fotos expostas para os convidados entre as máquinas de costura.
Arquivo_000 (70)

ELLUS
Para comemorar seus 45 anos, a Ellus mostrou apresentou um desfile emocionando trazendo os principais hits da marca. Muito couro e alfaiataria deram o tom dessa coleção mais “rock’n’roll” em look criados especialmente para uma linha chamada de XLV e que já está disponível nas lojas.
Arquivo_000 (96)

LOLITTA
Foi o teatro italiano do século 16 a inspiração de Lolita Hannud para criar o inverno 2017 da Lolitta! Com muitas estampas geométricas, babados e mangas volumosas, a marca apostou em uma alfaiataria carregada em plissados e franjas. Nos casacos, muitos mix de texturas em cores mais sóbrias, com degradês de terrosos, beges, verde e vinho. Nos acessórios, muitos brincos e broches e acrílico em formas geométricas, assim como as mules estampadas combinadas com meias de tricô. É pra ficar de olho!
Arquivo_000 (100)

GIG COUTURE
O tricô foi a grande pegada da Gig Couture nessa edição de inverno da SPFW. Tanto em babados, quanto em plissados, volumes ou jacquards, a estilista Gina Guerra mostrou versatilidade no street style apostando em jaquetas bombers, moletons e vestidos usados sobre calças, tudo em texturas riquíssimas e super funcionais. Adorei!
Arquivo_000 (97)

TWO DENIM
Lançada em 2014, a marca do casal Flavia Rotondo e Alexandre Manetti fez sua estreia na SPFW mostrando principalmente o carro-chefe da grife, o jeans! Em versões bem comerciais, ele aparece lavado e com diferentes jogos de volumes e amarrações, além de combinado à uma alfaiataria romântica e cheia de babados.
Arquivo_000 (95)

PATBO
A grife da estilista Patricia Bonaldi apostou forte no street style para esse inverno 2017, explorando o universo do hip hop e as obras de Basquiat e Bispo do Rosário. Como resultado, apliques e bordados em shapes esportivos, dando a tecidos mais nobres, como o veludo molhado uma pegada mais cool e divertida. Destaque para os maxi moletons. Tendência total!
Arquivo_000 (69)

LINO VILLAVENTURA
Fã de uma linha mais orgânica, Lino Villaventura afirma que há tempos parou de explicar suas coleções, pois quem assiste tem sua própria impressão das roupas. E com razão. No conceito “see now, buy now”, o estilista apostou em camisarias mais contidas e confortáveis. Confira já.
Arquivo_000 (99)

Dia 3

GIULIANA ROMANNO
A estilista desconstruiu os dos elementos mais clássicos do guarda-roupas masculino: o smoking. E Giuliana foi além! Suspensórios vivaram tops de um ombro só, cintos se transformaram em corseletes, gravatas foram vistas em estampas geométricas e o cetim e as abotoaduras decoraram pantalonas, parkas e macacões de paetês, marca registrada da estilista. Criatividade e elegância a mil!
Arquivo_000 (72)

ISABELA CAPETO
O que não faltaram foram texturas, formas e cores no desfile de Isabela Capeto. Inspirado no oásis do sertão, a grife apresentou uma coleção rica em detalhes folk, muitos bordados, vestidos longos esvoaçantes, além de parkas e conjuntos oversized. Dá uma olhada nos patches coloridos sobre peças em camuflagem verde-militar? Muito diferente!
Arquivo_000 (73)

MEMO
Em parceria com Renata e Lilly Sarti, Patricia Birman apostou na pegada sportswear para esse inverno 2017. Com peças que podem ser usadas a qualquer momento do dia, a coleção é confortável e tem, como foco principal o moletom que lembram uniformes antigos de tênis e jogging. O lado mais feminino fica por conta dos minibabados e dos tons sóbrios de cinza, creme e marinho.
Arquivo_000 (74)

FABIANA MILAZZO
Foi com a ideia de homenagear todas as regiões do país que a mineira Fabiana Milazzo trouxe para a passarela diferentes tipos de bordados. Famosa por misturar o casual com a moda festa, a estilista apostou no combo denim oversized + franjas e contas luxuosas, além de vestidos longos com decote V e malha colada ao corpo. Um bom gosto só!
Arquivo_000 fabiana

APARTAMENTO 03
Inspirado em O Visconde Partido ao Meio, de Italo Calvino, o estilista Luiz Claudio Silva apresentou looks de maneira leve, sempre brincando de forma interessante com a dualidade. O ponto alto do desfile ficou por conta dos bordados aplicados a uma alfaiataria festiva e cheia de vida.
Arquivo_000 (76)

ELLUS 2ND FLOOR
Cheias de parkas funcionais combinadas a microssaias e vestidos despretensiosos estampados, a coleção da Ellus 2nd Floor é, provavelmente, a mais comercial até agora. Tudo muito fácil de ser recombinado entre si, deixe para a bolsa de alça grossa transversal para dar o toque final. Um show de estilo!
Arquivo_000 ellus

Dia 4

A LA GARÇONNE
Mais uma vez o estilista Alexandre Herchcovitch mesclou com sucesso técnicas couture ao street style e underground. E a mistura está mais do que aprovada! Aliado a vários parceiros (como tênis criados pela Vans, bolsas da Escudero e bijuterias de Hector Albertazzi), a coleção apresentou muitas jaquetas e moletons militares, além de peças delicadas em clima vitoriano e camisetas divertidas com o termo “À la Garçovitch”. Um barato!
Arquivo_000 (75)

COTTON PROJECT
“R.I.P – Relax is Priority” é o nome da nova coleção da Cotton Project, marca essencialmente masculina que preza pelo conforto e casualidade. “Quando conseguimos parar, olhar para nós mesmos e relaxar é o momento que mais desenvolvemos a nossa criatividade. Foi este o ponto de partida para o desenvolvimento do inverno”, comentou o diretor criativo Rafael Varandas. E foi por isso que os pijamas foram o ponto alto dessa coleção relax. Em versões coloridas e geométricas eles aparecem combinados com casacos pesados de veludo e alpaca. Muito bacana.
Arquivo_000 cotton

MAISON ALEXANDRINE
O ateliê de moda festa Maison Alexandrine teve uma estreia memorável no SPFW. Alexandra Fructuoso e Dinho Batista criaram uma coleção toda inspirada nas metrópoles ao redor do mundo com modelagens alongadas, limpas e levemente acinturadas, onde a transparência e o cetim ganham força em peças geométricas e milimetricamente estruturadas.
Arquivo_000 alexandrine

 JULIANA JABOUR
A estilista Juliana Jabour mergulhou no motocross para criar uma coleção esperta e cheia de peças que a gente deseja na hora ter no armário. Na passarela, muitas calças que remetem ao esporte, combinadas a camisas vitoriana e moletons cheios de babados, usados inclusive por baixo de camisolas. O destaque da coleção ficou para o jogo de peças leves e pesadas sempre usadas em conjunto, como jaquetas de couro sobre vestidos de tule. Amei!
Arquivo_000 (1)

AMIR SLAMA
O álbum “Saudades do Brasil”, de Elis Regina foi a grande fonte de inspiração para Amir Slama criar sua coleção inverno 2017. E o resultado não poderia ter sido melhor: a coleção ressalta a consciência do corpo, mostrando muitos macacões, collants, calças e jaquetas de moletom usados de uma maneira bem moderna e contemporânea, sempre deixar de lado a influência da década de 80. Formas geométricas, listras, toques de metalizados e cores vivas foram o ponto de partida do desfile, que deu mais alegria à temporada mais fria do ano.
Arquivo_000

TIG
Com uma estreia em grande estilo nesse SPFW, a TIG desfilou uma coleção cheia de look de tirar o queixo, mostrando não apenas tubinhos de paetês com babados extravagantes, como também calças de cinturas baixas combinadas a jaquetas perfecto. Palmas paras alguns looks manchados de propósito com tinta escorrida. Criou um efeito incrível!
Arquivo_000 (2)

Dia 5

RATIER
Vampiros e ciganos abriram o último dia de desfiles da SPFW em looks sofisticados e nada caricatos. A grife de Renato Ratier apostou para essa coleção inverno 2017 na mescla de veludos (em tons de esmeralda, bordô e creme), além de couros e ricos jacquards, inclusive em versões com franjas. Os tecidos apareceram em vestidos midi, bodies decotados, capas, jaquetas e até em acessórios. E o melhor: podem ser usados a qualquer hora do dia!
Arquivo_000 (3)

A. NIEMEYER
Lançada em 2006, a grife paulistana A. Niemeyer fez sua estreia no SPFW apresentando uma moda confortável e sofisticada. Os looks ressaltaram linhas ovaladas e modelagens casulo e teve a lã como principal tendência. Uma coleção bem prática e super feminina.
Arquivo_000 (4)

 AMAPÔ
No maior clima circense, a Amapô volta ao SPFW ligando cada um de seus looks a personagens marcantes do circo, como palhaços, malabaristas, mágicos e até elefantes. O resultado não poderia ser outro: jeans em lavagens diferentes e produções oversized com toque dramático.
Arquivo_000 (8)

LAB
A grife criada pelo rapper Emicida e seu irmão, Fióti, tiveram a oportunidade de encerrar o calendário do SPFW e como era de se esperar, não decepcionaram! Inspirados pela origem do samba e no figurino de grandes nomes, como Wilson Batista, Moreira da Silva e Paulinho da Viola, os irmãos arrasaram na criação de moletons e jaquetas oversized com riscas de giz, além de muito preto e luxuosos paetês. Aos poucos, os looks total black foram dando espaço aos coloridos, em tons de vermelho, azul e rosa até encerrar com os off whites, cor tradicional no guarda-roupa dos sambistas. Destaque também para as jaquetas bomber e calças de moletons com bordados criados por Dona Jacira, artesã e mãe dos meninos. Sozinha, ela bordou todas as peças do desfile, com muitas miçangas, lantejoulas, canutilhos, tecidos e ilustrações, sempre voltados as origens do samba. Um capricho só!
Arquivo_000 (9)

Agora que você conferiu todos os desfiles, seus destaques e apostas para esse inverno, aproveite as dicas e planeje seu guarda-roupa com calma e tempo, enquanto curte o finzinho desses dias mais quentes.

Bjs,
Fabi Scaranzi

*Imagens: Divulgação
*Fonte: Vogue


VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR DISSO
FAB PRODUÇÕES
BIOGRAFIA
PALESTRAS
  • Mulheres muito além do salto alto
  • Albert Einstein
Fabiana Scaranzi
© Copyright 2017 - Fabiana Scaranzi. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido ou usado, exceto com a permissão prévia por escrito. Site por Design Ideal

Fabiana Scaranzi

Site feminino, com notícias, beleza, moda, saúde e bem-estar.

Coaching, Viagens, Vídeos, Como Fazer, Mundo Scaranzi

Por Fabiana Scaranzi

Miss Lily Comunicação