Como escolher a bebida certa para cada tipo de prato

Sempre bate aquela dúvida na hora de escolher a bebida ideal para cada refeição? Dá uma olhada nessas dicas para escolher o drink certo e criar o cardápio perfeito, do começo ao fim

0 1275

power-rangers-22

Nem sempre definir o cardápio pra um festa, jantar romântico ou encontro entre amigos nem sempre é o mais difícil. Escolher a bebida certa para cada prato pode ser um verdadeiro desafio.

O vinho é a bebida mais tradicional e casa bem com qualquer tipo de prato – até mesmo com uma boa tigela de pipoca –  mas verdade seja dita: em dias mais quentes, uma cervejinha também cai bem, né?

Quando você se vê numa restaurante, com uma cartela enorme de drinks, fica difícil escolher o mais indicado, né? Mas não precisa se desesperar! O segredo é observar os ingredientes da bebida ou o estilo de vinho de acordo com a entrada ou prato, para que haja uma harmonia e equilíbrio.

Para pegar o jeito, só com muita prática e com a ajuda dessas dicas abaixo. Espia só!

Sucos naturais
Os sucos naturais sempre são bem-vindos em qualquer refeição, além de serem opções mais leves e saudáveis para acompanhar os pratos. Agora, é só escolher o sabor ideal. Aprenda já!

– Suco de frutas tradicionais: caem bem com qualquer tipo de prato, seja massa, carne ou peixe. É só escolher seu sabor favorito.
– Suco de tomate: essa bebida exótica harmoniza com pratos mais gordurosos, como o tradicional hambúrguer.
– Limonada suíça: a acidez do suco ajuda a realçar comidas bem condimentadas.
– Água de coco: a água de coco é leve e harmoniza com peixes e pratos que levam limão e pimenta.emagrecer-com-sucos-naturais-15

Coquetéis
Em dias mais quentes, os coquetéis são uma boa pedida e ainda podem ser preparados nas versões com ou sem álcool. Dá uma olhada nessas ideias para acompanhar seus pratos.

– Drinques com suco de frutas e uma bebida gasosa: são suaves e perfeitos para os dias mais quentes, já que são bem refrescantes. Os mais leves são boas opções para eventos a tarde e as versões mais adocicadas devem ser servidas após a refeição.

– Drinques com licor e cremes: ótimas opções para servir após os jantares, por serem mais fortes e bem doces.

– Drinques com destilados: coquetéis com destilados, como caipirinhas, margaritas, cosmopolitans, mojitos… são considerados aperitivos e indicados para serem servidos antes da refeição. Por serem mais amargos, eles não vão alterar o paladar dos convidados. São indicados também para petiscos e pequenas porções, como iscas de frango, batatas-fritas e salgadinhos.

– Para as versões sem álcool:  você pode misturar sucos naturais de frutas ou adicionar água com gás, água de coco e até chá. Água saborizada (frutas picadas em uma jarra de água) também pode ser deliciosa, além de muito charmosa.

328e5d74460ebec55fe2f40523642475

Chopes e cervejas
Não dispensa uma cervejinha ou um chope gelado no fim de semana? Combina-los não é tão difícil! Escolha a pedida para pratos prontos, como lanches e petiscos. Essas bebidas, bem geladas, também são a opção perfeita para quem adora um churrasco e pratos em que a carne é o ingrediente principal.

Na dúvida: vá de vinho!
Quando o assunto é vinho, a princípio você pode levar duas dicas em consideração: antes da refeição, aposte em um vinho branco seco ou vinho seco fortificado. Durante a refeição, lembre-se que molhos fortes harmonizam com vinho branco maduro e que grelhados e peixes com molho suave combinam melhor com espumante brut ou demi-seco.destaque28Abaixo, uma lista bem simples pra pôr fim às dúvidas de uma vez por todas, independentemente do prato!

*Canapés – vinho branco seco
*Peixes – vinho branco leve e seco
*Frutos do mar – vinho branco seco
*Ostras e crustáceos – vinho branco leve ou branco mais encorpado
*Massa com molho de peixe – vinho branco seco
*Massa com molho de carne ou queijo – vinho tinto
*Aves – vinho branco seco, tinto leve, vinhos clarete e rosé
*Bacalhau – vinho verde, tinto ou tinto leve
*Assados – vinho tinto, bordeaux
*Carneiros – vinho tinto fino
*Cabrito – vinho tinto ou encorpado
*Galinha – vinho tinto leve, branco encorpado e rosé
*Galeto grelhado – vinho branco encorpado ou rosado seco
*Caças – vinho borgonha tinto
*Queijos frescal, ricota, requeijão e mussarela – vinho branco ou tinto leve
*Queijos picantes como gorgonzola – vinho tinto
*Saladas – não são acompanhadas de vinhos
*Sobremesas – vinho licoroso, espumante ou champanhe demi-seco.
*Sopas – vinho tinto leve
*Café – conhaque, licor e vinho do porto

Fim das dúvidas?

Bjs e boa refeição,
Fabi Scaranzi