Menu
 4175
Medo de avião? 5 dicas para tornar sua viagem mais tranquila
Seu medo de avião te impede de curtir as férias ou até participar de reuniões de negócio? Veja como evitar o sufoco e garantir uma viagem se estresse

medo de avião

Quanta gente deixar de fazer aquela viagem dos sonhos por medo de avião. Só de pensar em passar hora dentro da aeronave, a vista embaça, o estômago embola, as mãos tremem e suam frio. Se identificou? Eu já tive e posso dizer que é horrível porque a gente se divide entre a vontade de viajar e o o mal estar que o medo pode causar. Era uma fase em que eu tinha que tomar decisões importantes na minha vida e, portanto, estava mais estressada. Assim que consegui tomar as decisões, tudo melhorou, inclusive o medo de voar.

Para não abrir mão das suas férias e perder a chance de conhecer lugares incríveis, dá uma olhada nessas cinco dicas práticas para desviar o foco do seu medo de avião e garantir uma viagem tranquila.

1. Chegue cedo ao aeroporto
Sabia que a pressa pode aumentar o nervosismo e elevar o pico de tensão? Por isso, chegue com pelo menos quatro horas de antecedência se for fazer um voo internacional e três se o voo for doméstico. Ao fazer o check-in mais cedo você aumenta suas chances de escolher o assento na frente do avião, onde há menos ruído e turbulência. Check-in feito, malas despachadas, assento escolhido, aproveite o tempo livre para tomar um café, passear pelas lojinhas e assistir os aviões pousando e decolando. Você vai se lembrar de que eles são meios de transporte seguros e que não precisa se preocupar.

2. Procure saber mais do sobre fatos e estatísticas
Quem tem medo de avião normalmente relaciona a aeronave com pensamentos catastróficos, sem relação com a realidade. Por isso, vale a pena pesquisar sobre os dados ligados a acidentes aéreos. Sabia que a probabilidade de você estar em um acidente de avião com mortes é de uma em 8,47 milhões? Esses números vão te mostrar que não vale a pena se preocupar e que tanto piloto, quanto tripulação estão mais do que preparados para levar você em segurança. Pode confiar!

3. Tente se distrair
Principalmente em viagens longas, qualquer meio de distração é fundamental, especialmente para quem morre de medo de avião. Seja ouvindo música, fazendo palavras cruzadas, lendo um livro ou jogando nos apps do celular, vale tudo para desligar sua mente da fobia. Que tal aproveitar os filmes disponíveis na aeronave para colocar em dia aquela lista de lançamentos que você ainda não teve tempo de assistir? Depois de relaxar, não vai demorar até você se esquecer de onde de fato está!

Resultado de imagem para MULHER LENDO NO AVIÃO

4. Tome um remedinho
Se nada ajudar, que tal tomar um tranquilizante bem fraquinho para encarar seu medo de avião? Com voos de mais de duas horas de duração os calmantes ajudam a relaxar e a pegar no sono. Assim fica fácil de superar os momentos de turbulência. Mas nada de sair se automedicando por aí, hein? Explique para o seu médico como fica apavorada só de pensar em pisar numa aeronave e deixe que ele recomende o melhor medicamento pra você.

5. Converse com seu vizinho de poltrona
Para muita gente, conversar também é um poderoso meio de distração. Está num voo lotado e se sentou ao lado de um desconhecido? Procure puxar papo, sempre tendo cuidado para não ser inconveniente. Pergunte se a viagem é a lazer ou negócio, quanto tempo a pessoa vai passar no lugar de destino, se ela tem parentes por lá… Ao embalar um bom papo, o medo vai dar espaço para a curiosidade e quem sabe você não faz uma nova amizade.

E se nada ajudar, peça ajuda a um profissional!
Se perceber que o medo de avião está interferindo na sua vida pessoal ou até na profissional (principalmente se você já deixou de participar de uma reunião de negócios em outro estado ou país) é sinal de que ele já virou fobia, aí, é necessário contar com a ajuda de especialistas para entender o que te causa tanto receio e como superá-lo. A psicóloga Elvira Gross, autora de “Avião: Viagem Sem Medo” explica em seu livro que, na maioria dos casos, não é preciso mais do que dois meses e meio (o equivalente a dez sessões) de terapia para já obter resultados em um tratamento contra a fobia de voar. Durante a sessão (feita em grupos de até seis pessoas), você aprende técnicas de relaxamento e controle da ansiedade, visitam uma aeronave real para aprender como ela funciona e como é feita sua manutenção, pilotam um simulador de voo e muito mais. Bacana, né?

E meu último conselho é: Faça a sua coragem ser maior que o seu medo! Boa viagem!

Bjs e boa viagem,
Fabi Scaranzi

*Imagens: Shutterstock


VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR DISSO
FAB PRODUÇÕES
BIOGRAFIA
PALESTRAS
horoscopo
  • Mulheres muito além do salto alto
  • Albert Einstein
Fabiana Scaranzi
© Copyright 2017 - Fabiana Scaranzi. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido ou usado, exceto com a permissão prévia por escrito. Site por Design Ideal

Fabiana Scaranzi

Site feminino, com notícias, beleza, moda, saúde e bem-estar.

Coaching, Viagens, Vídeos, Como Fazer, Mundo Scaranzi

Por Fabiana Scaranzi

Miss Lily Comunicação