Menu
 2451
Baixe agora meu e-book: 10 erros mais comuns ao falar em público
6 lições que todo casal deve aprender com o divórcio de Brangelina
Divórcio é péssimo, mesmo se você for uma celebridade. Confira 6 lições que só a separação do (ex) casal queridinho de Hollywood pode trazer para a sua vida amorosa

brangelina1

Quem podia imaginar que Brad Pitt e Angelina Jolie – o casal favorito de Hollywood – poderia separar as escovas de dente? A notícia foi tão inesperada que agora, exatamente um mês depois do anúncio do divórcio, as grandes mídias e redes sociais não deixam de falar no assunto.

E nem é preciso ir tão longe pra lembrar como qualquer casal, até aqueles que parecem os mais estáveis e comprometidos, estão sujeitos a uma ruptura. Vai dizer que você não ficou surpresa com o fim da relação de William Bonner e Fátima Bernardes?

Enquanto os divórcios desses casais famosos continuam sendo manchetes, especialistas garantem que existem lições valiosas que você pode tirar dessas separações para blindar o seu relacionamento ou lidar com o divórcio da forma mais saudável possível. Fique de olho nessas seis!

1. Todo relacionamento é vulnerável, mesmo os que aparecem perfeitos
Vendo de fora, Pitt e Jolie tinham a vida perfeita juntos. Como um casal, eles viajaram o mundo para ajudar crises humanitárias, co-estrelaram grandes filmes, têm seis filhos adoráveis e possuem várias propriedades em todo o mundo. Dinheiro, obviamente não era problema. O que pode então ter dado errado? Moacir Campos, terapeuta de casais e família de São Paulo, mostra como até mesmo os “casais dourados” têm seus problemas, mesmo que camuflados. “Trate seu casamento de forma delicada, com carinho e cuidado em qualquer fase da vida. Mesmo que as coisas pareçam boas vistas de fora, é o que vocês estão sentindo que importa”, explica. Ele ainda ressalta a importância de jogar limpo e sempre deixar seus sentimentos e vontades bem claros. “Nunca faça suposições sobre a saúde do seu casamento. É preciso cultiva-lo, trabalhar nele e prestar atenção diariamente às suas necessidades”.

2. Segundos e terceiros casamentos podem ser mais difíceis que o primeiro
Sabia que casais em um seguindo ou terceiro casamento enfrentam um risco maior de divórcio do que aqueles que estão na primeira relação? E entre Brangelina, esse não era o primeiro casamento de nenhum dos dois. Angelina foi casada com Jonny Lee Miller em 1996 e, em seguida, com Billy Bob Thornton em 2000 – o mesmo ano em que Pitt se casou com Jennifer Aniston. Quatro anos depois, Pitt e Aniston se divorciaram quando ele se envolveu com Jolie no set de “Sr. e Sra. Smith”.

Jolie e Pitt no set de "Sr. e Sra. Smith", onde tudo começou!

Jolie e Pitt no set de “Sr. e Sra. Smith”, onde tudo começou!

“Quando você começa uma nova relação de forma complicada como essa, é fácil idealizar boas qualidades no seu novo parceiro, ignorando todas as bandeiras vermelhas que esse novo relacionamento pode trazer”, diz o especialista. “Problemas que você tentou escapar em seu primeiro casamento provavelmente vão se manifestar em relacionamentos posteriores se você não resolvê-los logo no início.”

3. Se o divórcio for inevitável, tente manter os detalhes entre vocês
Apesar de todos os rumores que rondam a separação de Pitt e Jolie (com alegações do uso de drogas e até abuso físico e verbal aos filhos do casal), ambas as partes foram rápidas em liberar declarações cuidadosamente elaboradas sobre o divórcio e, desde então, estão de boca calada.

Essa é uma abordagem inteligente, disse Moacir. “O divórcio de ninguém vai chamar tanta atenção quanto o de Brangelina, mas até mesmo nas nossas relações tem pessoas querendo ‘fuçar’ atrás de mais informações”. Por isso, assim como o casal de Hollywood, a melhor saída é fazer uma breve declaração sobre seu divórcio, por exemplo: “Meu marido e eu estamos nos divorciando. Agradeço sua preocupação e espero que você respeite a necessidade de privacidade e espaço da nossa família nesse momento difícil”, e só!

Dessa forma, sempre que o seu vizinho ou colega de trabalho mais curioso cavar por detalhes, você vai ter o seu discurso pronto e não ser pega de surpresa.

4. Contrate o melhor advogado que você puder pagar e evite levar sua separação ao tribunal
Quando chegou a hora de pedir o divórcio, Jolie encontrou um dos melhores advogados nessa área. O conselho do terapeuta de casal Moacir Campos indica que você faça o mesmo e, se possível, evite ao máximo levar sua separação ao tribunal. Um acordo é sempre a melhor opção, tanto para os envolvidos, quanto para os filhos. “Bons advogados entendem os benefícios do acordo, tanto para os casos grandes, quanto para os pequenos”. E acrescentou: “advogados experientes geralmente trabalham em conjunto para chegar a um acordo favorável para ambas as partes”. Eles sabem o quanto um divórcio cheio de rixas pode ser traumático para as crianças.

5. Proteja seus filhos de brigas pela guarda
Quando entrou com o divórcio, Jolie pediu a guarda completa dos seis filhos do casal. Dias depois, foi anunciado que o casal havia chegado a um acordo temporário para as próximas três semanas.

O especialista ressalta que numa separação, independentemente de quem fica com a custódia dos filhos, manter as crianças fora dessa zona de conflito é essencial. Mas como contar para as crianças sobre o divórcio? “Você precisa ser objetiva e ter sensibilidade sobre as necessidades da criança. É preciso explicar aos filhos sobre as mudanças que passarão a ocorrer na vida de todos, sem falar do ex-marido ou jogar para ele a responsabilidade dessas mudanças”. Lembre seus filhos que eles são amados e não deixe que eles percam bons momentos da infância por estarem envolvidos em uma situação que exige tanta maturidade.

e10e2ee57193ea4157405d29f348079b

6. Seu casamento pode ter acabado, mas vocês sempre serão pais… juntos!
Tanto Pitt quanto Jolie expressaram a importância de colocar a família em primeiro lugar – um desejo deve se manter se eles quiserem ser sempre bons pais. “O trabalho de educar e cuidar de uma criança não termina no momento em que você tira a sua aliança. Pelo contrário, essa amizade extra-conjugal é essencial a partir do momento em que vocês se virem obrigados a educar e amar uma criança estando longe um do outro”, disse Moacir. “Recomendo para Brangelina, assim como para qualquer outro casal passando por um divórcio, que nos primeiros meses toda a família passe por sessões de terapia. Isso vai estreitar os laços entre pais e filhos e mostrar que, mesmo vivendo em casa diferentes, o amor pelos frutos da antiga relação é incondicional”.

Bjs,
Fabi Scaranzi


VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR DISSO
FAB PRODUÇÕES
BIOGRAFIA
PALESTRAS
  • Mulheres muito além do salto alto
  • Albert Einstein
Fabiana Scaranzi
© Copyright 2017 - Fabiana Scaranzi. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido ou usado, exceto com a permissão prévia por escrito. Site por Design Ideal

Fabiana Scaranzi

Site feminino, com notícias, beleza, moda, saúde e bem-estar.

Coaching, Viagens, Vídeos, Como Fazer, Mundo Scaranzi

Por Fabiana Scaranzi

Miss Lily Comunicação