Menu
 4709
Traição virtual. Saiba como identificar e blindar sua relação
Entenda o que é traição virtual, identifique os sinais e saiba como blindar seu relacionamento

aplicativos

Já faz tempo que as pesquisas relevam que os brasileiros estão traindo cada vez mais. Sabia que 73% dos homens e 64% das mulheres entre 20 e 40 anos já admitiram ter se envolvido em relacionamentos extraconjugais pelo menos uma vez? Pois é! E essa “puladinha de cerca” não precisa, necessariamente, envolver sexo. Pelo contrário, é a tal “traição virtual” tem chamado a atenção de quem sente necessidade de se envolver afetivamente com alguém fora do relacionamento.

Esse público cresceu tanto que sites especializando em traição estão fazendo o maior sucesso, inclusive no Brasil. Aliás, a prática se tornou tão comum que os tais adeptos ganharam até um dia voltado para eles nas redes sociais: 22 de setembro, Dia dos Amantes. Pode?

Traição virtual é adultério?
Mesmo que não envolva sexo, ou mesmo se dois nunca se encontrarem fora do mundo virtual, especialistas garantem que sim. “A partir do momento em que há uma quebra na confiança e fidelidade do casal, é possível associar a traição virtual com adultério”, afirma a psicóloga e especialista em terapia de casal, Lana Harari.

Por isso, até mesmo os casais mais moderninhos devem estar de acordo sobre o que pode e o que excede limites dentro de um relacionamento, assim você evita mágoas, ressentimentos e até um possível término.

Será que falta amor?
Não necessariamente. A especialista ressalta que é cada vez mais comum receber em seu consultório casais que se amam, mas que têm dificuldade em se relacionarem, mesmo depois de anos juntos. Os motivos são diversos: ciúmes, dificuldade em expor os sentimentos, anulação das próprias vontades pelos desejos do outro… é aí que a traição virtual entra. Quem sente lacunas no relacionamento acaba procurando na internet uma forma de se abrir e suprir aquilo que sente falta, seja no campo afetivo ou sexual.

Dois pesos, duas medidas?
Se para o traído um relacionamento extraconjugal, mesmo na internet, é tão difícil de digerir quanto uma traição física, para quem procura esse tipo de relação na internet, dificilmente admite que está, de fato, traindo o(a) parceiro(a). Afinal, a falta de contato físico alivia a culpa e é exatamente esse fator o principal argumento daqueles que têm sua traição virtual descoberta.

Independentemente de concordarem se rolou, ou não, uma quebra de fidelidade no relacionamento, é fundamental que o casal descubra juntos o que levou um deles a procurar em outra pessoa a cumplicidade que não encontrou na relação. Avaliem também se vale a pena jogarem fora o que construíram juntos ou se através de uma boa conversa (ou até terapia) vocês conseguem dar a volta por cima e deixarem esse episódio para trás.

87134_sexy_sms

Traição virtual: como identificar?
Ele anda distante, ansioso, não desgruda o celular até na hora de tomar banho… esses são apenas alguns dos sinais para ficar de olho. Abaixo, o perfil das pessoas cadastradas no site Ohhtel, o site de traição digital mais popular do país.

 33 anos é a idade média de 34% das mulheres inscritas no site. 40 é a idade média de 66% dos homens.
 A cada 17 segundos um brasileiro se registra nesse site. A intenção? Ter um caso extraconjugal discreto.
 A falta de sexo no relacionamento é o principal motivo da inscrição de gringos no Ohhtel, mas não os brasileiros. A pesquisa afirma que a maioria deles tem relações sexuais frequentes com a namorada ou esposa, mas ainda assim sentem falta de novas aventuras.
 65% dos homens já tiveram pelo menos cinco casos extraconjugais através do site. 38% das mulheres afirmaram ter tido entre dois a quatro.
 O número de quem comete traição virtual, mas não tem coragem de se separar de seus parceiros é alto: 79% dos homens e 77% das mulheres.
 Quem dá um passo a mais e torna a traição virtual em encontros físicos prefere: 55% motel, 17% carro, 15% casa do amante.

Dá pra prevenir?
Sim. Algumas atitudes contam (e muito!) na hora de blindar seu relacionamento, afinal, até mesmo uma relação de anos pode passar por esse tipo de crise. Por isso, aqui vão seis dicas espertas para você ficar de olho!

– Não abra mão dos carinhos. Até porque é o contato físico a melhor forma de manter a conexão entre vocês. Lembre-se que elogios também fazem bem a autoestima e aquecem o coração.

 Não caia na mesmice. Descubra o que apimenta o sexo de vocês, seja com uma lingerie mais sensual, ou uma posição sexual diferente. Vale tudo para não deixar a relação cair na rotina.

 Cumplicidade a mil. Mostre ao seu parceiro que ele pode contar com você a qualquer momento. Seja para comemorar as conquistas ou para levantá-lo diante dos momentos de dificuldade.

 Sinceridade é a chave. Nada de guardar mágoas e ressentimentos dos problemas do passado. Seja franca e admita se estiver chateada ou se sente desvalorizada. O mesmo vale para os bons sentimentos: faça questão de reafirmar o quanto é feliz e completa do lado dele.

 Seja sempre você. Dividir a vida, a casa, a rotina é uma delícia, mas não deixe de lado tudo aquilo que faz você individualmente feliz. Seja uma aula de ioga, um dia da semana para sair com as amigas… você merece ter um tempinho pra cuidar de você, e ele também!

 Confie, sempre! Não adianta espiar o e-mail dele, checar as conversas no Whatsapp e até verificar os bolsos do casaco quando ele chega em casa. Essa paranoia não vai fazer dele uma pessoa mais confiável. Pelo contrário, a invasão de privacidade será tanta que não vai demorar para que ele desista de vocês.

Dicas anotadas?

Bjs,
Fabi Scaranzi

*Imagens: Shutterstock


VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR DISSO
FAB PRODUÇÕES
BIOGRAFIA
PALESTRAS
horoscopo
  • Mulheres muito além do salto alto
  • Albert Einstein
Fabiana Scaranzi
© Copyright 2017 - Fabiana Scaranzi. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido ou usado, exceto com a permissão prévia por escrito. Site por Design Ideal

Fabiana Scaranzi

Site feminino, com notícias, beleza, moda, saúde e bem-estar.

Coaching, Viagens, Vídeos, Como Fazer, Mundo Scaranzi

Por Fabiana Scaranzi

Miss Lily Comunicação