Menu
 868
Fim de ano: dicas para melhorar de vida ainda em 2017!
Nada de esperar 2018 chegar para se reinventar! Veja como transformar sua vida e se sentir uma pessoa melhor já nas próximas semanas!

fabi auto conhecimento

Bastou chegar dezembro pra muita gente pensar: “agora não dá mais tempo de colocar meus planos em prática. Melhor esperar o próximo ano chegar pra começar tudo do zero”. Se você faz parte desse time que sente necessidade de melhorar algumas das suas atitudes e decisões e dar uma guinada na sua vida, aqui vai uma boa notícia: você não precisa mais esperar a virada de ano para se reinventar!

Veja dicas práticas e infalíveis para se sentir uma pessoa melhor rapidinho, aumentar sua motivação, amor próprio e, principalmente, começar 2018 se sentindo confiante e feliz.

1. Liste suas qualidades. É isso mesmo: nada vai correr bem se você não estiver se sentindo bem consigo mesma. Baixa autoestima, autocrítica e insegurança são sabotadores famosos para o nosso crescimento, tanto pessoal, quanto profissional. Por isso, faça uma lista com todas as suas qualidades e escreva cartas para si mesma toda vez que atingir um objetivo que lutou muito para conquistar. Esses lembretes te darão uma injeção de ano e mostrarão a mulher poderosa que você é. Releia sempre que se sentir pra baixo.

2. Arrisque-se mais! A rotina é cômoda e traz segurança. Entretanto, ao não se permitir arriscar, dificilmente você vai sair do lugar. Procure novos hobbies e desafios na carreira que tirem você do seu espaço comum e te desafiem. Você vai se surpreender com as coisas que é capaz de fazer e nem imaginava.

3. Finalize suas tarefas. Quantas coisas a gente se propôs a fazer lá em janeiro e acabamos deixando de lado por preguiça ou falta de tempo. Liste quais projetos ainda estão pendentes e tente concluí-los. Só então se permita começar algo novo. Para abrir novos caminhos, é preciso fechar outros, ok?

4. Desconecte-se. Você não imagina os benefícios que algumas horas longe do celular e computador podem trazer para o seu corpo e mente. Vale a pena reservar um tempinho do seu dia para você relaxar, curtir um tempo de qualidade com a família e os amigos, ler um bom livro. Afinal, não é preciso saber o que acontece no mundo o tempo todo e, o que for de fato importante, você pode se atualizar mais tarde rapidinho.

5. Mude o visual. Pra muita gente, o primeiro passo para começar uma vida nova é radicalizar no visual. Seja fazendo uma tatuagem, mudando a cor ou o corte do cabelo, renovando o guarda-roupa… qualquer transformação externa marcante funciona para dar início a uma nova etapa. Que tal fazer aquelas luzes lindas a lá Gisele Bündchen que você sempre teve vontade, hein?

6. Faça um faxinão e pratique o desapego. Não é a primeira vez que faço aqui que, para colocar as ideias no lugar, organização é fundamental. Por isso, se você tem se sentido estagnada, que tal fazer uma boa limpeza na sua casa ou escritório e doar ou jogar fora tudo aquilo que não usa mais? Coisas velhas ou quebradas sugam a sua energia. Ao criar espaço você faz a energia positiva fluir e não apenas melhora sua disposição e criatividade, como aumenta sua capacidade de foco e concentração. Depois, é só trabalhar na organização. Faça listas, planos, compre uma agenda. Alinhe todos os seus objetivos e compromissos a curto e longo prazo e trabalhe para cumpri-los no menor tempo possível. Sua vida vai ficar muito mais leve!

7. Diga “não”. Suas intenções são as melhores, mas colocar as necessidades e vontades dos outros em frente às suas vai manter sua vida sempre estagnada. É preciso impor limites! Ceder, em muitos casos, é imprescindível para a boa convivência, desde que você não anule suas vontades, nem apague a essência dessa pessoa maravilhosa que você é.

fabi

8. Reconheça seus erros. Nada de enumerar seus erros e se sentir uma pessoa incapaz. A autocrítica é importante, sim, desde que feita de maneira saudável e de forma que te ajude a encontrar novas alternativas na hora de recomeçar. Lembre-se, você não é perfeita e não só pode, como deve cometer erros. O importante é aprender com as suas falhas e ter humildade de pedir desculpas quando necessário.

9. Não se prenda ao passado. Muita gente não vê sua vida progredir pelo simples fato de não conseguir desapegar “do que poderia ter sido”. Superar seus erros e seguir em frente é fundamental para quem deseja se tornar uma pessoa melhor. Remoer suas falhas ou mágoas passadas não vai mudar o que aconteceu. Bola pra frente! Trabalhe para superar o que ficou para trás e, sempre que esses pensamentos voltarem a te “perturbar”, tente canalizar sua energia e atenção para atividades e lembranças que vão, de fato, fazer de você uma pessoa ainda mais maravilhosa.

10. Medite. O cansaço foi considerado o mal do século. E não é só o cansaço físico, não. Mas o mental também! Hoje em dia vivemos em um bombardeio de informações e, diante de tantas novidades, fica difícil tirar um tempo de qualidade para se conectar com nosso eu interior. Minha sugestão é que você tire todos os dias 15 minutinhos para ficar em silêncio e avaliar suas ideias e pensamentos enquanto trabalha a respiração. Sua mente vai trabalhar de forma bem mais positiva e você vai aprender a viver a vida com menos estresse e ansiedade. Vale a pena!

11. Evite comparações. Se comparar ao seu colega de trabalho, melhor amiga, irmã mais velha é o pior vilão para quem sofre de autoestima baixa. Lembre-se que cada um é cada um, com seus defeitos, qualidades e aptidões diferentes. Você não é pior, nem melhor que ninguém, só possui características específicas e singulares, capazes de fazer se você uma pessoa única e sem igual. Tendo isso em mente, você aprende a não se cobrar tanto, nem a competir com pessoas que, em muitos casos, só querem o seu bem.

12. Permita-se errar de vez em quando. Não dá pra ter o controle de tudo o tempo todo. Algumas coisas acontecem, sim, sem que a gente preveja e não tenha tempo de evita-las. Ao aceitar que você não só pode, como deve se deixar levar de vez em quando, você vai passar a se sentir menos culpada pelos imprevistos da vida e seus dias se tornarão muito mais leves. Pode acreditar!

13. Não guarde mágoas. O perdão é uma das atitudes mais nobres do ser humano, mas, mais do que isso: além de trazer paz para quem errou, você vai viver uma vida muito mais saudável se deixar o rancor de lado. Tudo bem se você não se sentir segura e confortável para reatar um relacionamento com quem te magoou, mas procure não guardar ódio dentro de você. Te garanto que os prejuízos serão muito maiores pra você do que pra que, de fato, cometeu o erro lá atrás.

14. Dê espaço para novos relacionamentos. Seja no amor ou nas amizades, permitir que novas pessoas passem a fazer parte da sua vida pode ser muito positivo. Não deu certo com um namorado do passado? Essa experiência ruim não deve refletir nas chances que você tem de ser feliz no futuro. As pessoas são diferentes, lembra? Quem sabe o cara certo pra você não está mais perto do que você pensa? Permita-se se entregar e tentar mais uma vez!

15. Reconheça seus limites. Para viver uma vida mais leve e aliviar as pressões do dia-a-dia é fundamental reconhecer até onde você é capaz de chegar. Será que você não está assumindo compromissos demais? Se sentir útil é uma delícia, mas não é vergonha nenhuma pedir ajuda e delegar algumas funções. Qualidade sempre superou quantidade e, principalmente no ambiente de trabalho, admitir que você não é capaz de executar uma tarefa pode mostrar humildade e, de quebra, te permitir a aprender coisas novas. Bom, né?!

E aí, o que achou das minhas dicas? Bora colocá-las em prática hoje mesmo e terminar 2017 se sentindo mais leve e realizada? Vale a pena!!

Bjs,
Fabi Scaranzi

BIOGRAFIA
PALESTRAS
FAB PRODUÇÕES
APP VIVO MULHER
Stay Connected
Instagram
Instagram
Instagram
Instagram
Instagram
Instagram
Instagram
Instagram
Instagram
Fabiana Scaranzi
© Copyright 2017 - Fabiana Scaranzi. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido ou usado, exceto com a permissão prévia por escrito. Site by Miss Lily